Em Aracaju custo da cesta básica subiu 2,23% em outubro

O custo da cesta básica em Aracaju aumentou 2,23% no mês de outubro e chegou a R$ 464,17, de acordo com o Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese). Apesar do aumento, a capital sergipana tem o conjunto de alimentos mais baixo das 17 cidades que o órgão realiza a pesquisa.

Em julho, o valor foi de R$ 488,42, quando Aracaju ficou com a terceira posição de cestas mais baratas, mas no mês seguinte, o preço voltou a cair e a cidade retomou o menor custo (R$ 456,40), mantendo o posto em setembro (R$ 454,03).

Custo da cesta básica em Aracaju

A cesta mais cara em outubro foi a de Florianópolis (R$ 700,69), seguida pelas de São Paulo (R$ 693,79), Porto Alegre (R$ 691,08) e Rio de Janeiro (R$ 673,85).

Produtos

 

O quilo do tomate registrou aumento de preço em todas as cidades. Segundo o Dieese, a maturação lenta do fruto reduziu a oferta e os preços subiram.

Também teve alta o quilo do café em pó. O motivo foi por causa da geada do final de julho e a estiagem prolongada, além da influência da baixa oferta global de café e das elevadas cotações externas.

Já o óleo de soja registrou alta em 13 das 17 capitais, mas em Aracaju, o produto teve queda de 0,49%.

Fonte: G1

Notícias de Sergipe

Email: contato@imprensa24h.com.br

Imprensa 24 Horas

Siga nossas redes:

Facebook
Instagram
Twitter

Imprensa 24h

Notícias de Sergipe: Informações com credibilidade são as marcas do Imprensa 24h.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *