Filha de Emanuel Nascimento, Manu entra na disputa por uma vaga na Câmara de Aracaju

Representar e defender os interesses das mulheres aracajuanas, dos jovens empreendedores e projetos culturais voltados à educação de crianças em situação de vulnerabilidade social. Essas são algumas das bandeiras levantadas por Manu Nascimento, pré-candidata à vereadora de Aracaju pelo Partido dos Trabalhadores (PT).

Apesar de estreante no cenário político local, Manu, 24 anos, está imersa na política desde que nasceu. Filha do professor e ex-presidente da Câmara de Aracaju, Emanuel Nascimento, ela milita no PT desde os 16 anos de idade, quando se filiou ao partido, na capital, diretório que o pai já presidiu.

A jovem, herdeira de um legado político construído ao longo de décadas, é mãe, acadêmica do curso de Direito e sabedora dos desafios que terá de enfrentar para obter êxito na concorrida disputa por uma vaga na Câmara de Aracaju. Atualmente, das 24 cadeiras do parlamento municipal, apenas uma tem como titular uma mulher.

Para Manu, a política é um espaço de diálogos e de construção coletiva, a partir do qual ela pretende “aprimorar as estruturas administrativas existentes”. A política, ressalta a pré-candidata, “é um mecanismo norteador da conduta participativa do cidadão que busca melhores condições de vida e cidadania”.

Uma vez eleita, Manu projeta uma atuação parlamentar “com ênfase no protagonismo juvenil”, voltada, especialmente, à defesa das mulheres. Além disso, na Câmara, a jovem pretende dar continuidade ao trabalho desenvolvido por Emanuel Nascimento, “minha maior inspiração”, frisa a petista.

Também recebem destaque no projeto político de Manu a Educação e a Cultura, “pois a educação liberta e a cultura salva”, justifica. Nessas áreas, a jovem pretende apresentar propostas que incluam a parcela da população mais vulnerável do ponto de vista social. Para isso, vai buscar qualificar a distribuição de renda na cidade.

Na busca pelo voto, Manu objetiva dialogar com toda a sociedade aracajuana, mas vai focar “os jovens que buscam o desenvolvimento pessoal através do protagonismo empreendedor; as mulheres que atuam como chefes de família, mantendo o sustento dos filhos com o suor do seu trabalho; e os grupos culturais que desenvolvem atividades educativas com crianças de baixa renda”, pontua.

Para fazer frente às restrições impostas pela pandemia do novo coronavírus, Manu Nascimento aposta no potencial das redes sociais, “através de interação direta e permanente”, diz. “Sem deixar de lado os pequenos encontros com o povo de Aracaju, respeitando sempre as normas estipuladas pelas autoridades sanitárias”, complementa.

Sem vínculo direto com nenhuma das tendências internas do partido, Manu garante que a sua tendência “é lutar pelos Aracajuanos” e fazer “o que o PT mais fez no estado, que foi cuidar das pessoas, através do saudoso Marcelo Deda, figura que ocupa o posto de melhor prefeito e melhor governador que nossa capital e nosso estado já teve”.

 

 

 

 

 

Reprodução autorizada mediante citação da fonte: Imprensa 24h

 

Notícias de Sergipe

Email: contato@imprensa24h.com.br

Agilidade e informações com credibilidade são as marcas do Imprensa 24h

Imprensa 24 Horas

Siga nossas redes:

Facebook
Instagram
Twitter

Imprensa 24h

Agilidade e informações com credibilidade são as marcas do Imprensa 24h

Deixe uma resposta