Fórum dos Conselhos define estratégias da campanha solidária

Em reunião virtual nesta terça-feira, 27, representantes de Conselhos Regionais de classes em Sergipe definiram estratégias da campanha solidária ‘Conselhos de Atitudes’. O objetivo é arrecadar cestas básicas que serão doadas a diversas instituições indicadas pelas autarquias.

Em um trabalho voluntário, a agência de publicidade Intermarketing apresentou a concepção da campanha e peças para mídias sociais, rádio, tv e imprensa.

“A campanha está baseada em dados do IBGE. A fome é real e incomoda. E tenho certeza de que podemos diminuir e até parar essa dor”, disse o publicitário Luís Sérgio.

O Conselheiro do Conselho Regional de Psicologia de Sergipe – 19a Região, Fernando Antônio Nascimento, presidente da Comissão de Direitos Humanos-CDH/CRP19, ressaltou que o trabalho de arrecadação envolve todos os segmentos.

“A ideia é convidar os profissionais de cada CR envolvido para essa somação de esforços, mas esse é um movimento que envolve toda a população. Toda ajuda será bem-vinda”, afirmou.

Ficou acordado que a campanha será lançada no dia 07 de maio. O presidente do CRA-SE, Jorge Cabral, coordenador da ação no Fórum dos Conselhos Regionais e Ordens das Profissões regulamentadas de Sergipe, está confiante de que o projeto vai fazer a diferença na vida de quem, nesse momento, necessita de auxílio.

“É um impacto grande saber que 50% da população sergipana passa fome. Isso salta aos olhos, impossível não ficar incomodado com isso. Todos os setores enfrentam dificuldades nesse contexto de pandemia, mas nós podemos fazer a diferença”, pontuou.

A campanha ‘Conselhos de Atitude’ terá duração de dois meses. A cada 15 dias será feita a entrega de cestas básicas, assim como uma prestação de contas à sociedade.

Publicidade:

“Comunicar o destino das doações é indispensável. Deve ser um processo extremamente transparente e responsável, não somente para os profissionais de cada conselho, como também para sociedade”, ressaltou Lana Veiga, representante do Conselho Regional de Contabilidade que fará a auditoria da campanha.

Para as doações será disponibilizada uma conta bancária para que sejam realizadas transferências de valores ou Pix, para a compra de cestas básicas. O empresário Juliano Souto, do grupo Fasouto, colocou a empresa à disposição e acrescentará uma cesta básica a cada dez doadas. A cesta básica contendo 11 itens – óleo de soja, açúcar, flocão de milho, café, feijão, leite em pó, biscoito cream cracker, sardinha, farinha de mandioca, arroz e macarrão – terá o custo unitário de R$ 44,90.

A campanha ‘Conselhos de Atitude’ envolve 12 autarquias,  Conselho Regional de Psicologia (CRP19), Conselho Regional de Corretores de Imóveis (CRECI), Conselho Regional de Educação Física (CREF), Conselho Regional de Medicina Veterinária (CRMV), Conselho Regional de Contabilidade (CRC), Conselho Regional de Administração (CRA-SE),  Conselho Regional de Fisioterapia e Terapia Ocupacional (Crefito),  Conselho Regional de Serviço Social (CRESS), , Conselho Regional de Enfermagem (COREN), Conselho Regional de Odontologia (CRO), Conselho Regional de Economia (CORECON-SE) e Conselho Regional de Engenharia e Agronomia de Sergipe (CREA-SE).

 

Assessoria de Comunicação | CRP19

Deixe uma resposta