Nesta semana estreia o espetáculo “Verônica, uma peça-filme”, ambientado no período da ditadura

Entra em cartaz no dia 9 de abril, sábado, 21h, pelo  Facebook do Teatro João Caetano e Youtube do Agrupamento Andar7 a obra Verônica, uma peça-filme, do Agrupamento Andar7Interpretado por Luciana Ramin, a peça parte do texto Todo sacrifício feito em teu nome, de Rudinei Borges dos Santos. Em Verônica, elementos do teatro e cinema em versão online se tornam uma estratégia estética e poética para narrar essa história. Gravado na casa-ateliê Nano Teatro, um espaço cênico do Agrupamento, o elenco conta ainda com participação de Ju Lima e Ariel Ramin. O trabalho foi viabilizado com recursos do Proac Lab – Aldir Blanc.

Na trama, uma mulher presa pelo regime repressor de seu país vaga entre lembranças desfiguradas à procura de seu filho recém-nascido. A obra traz como referência mães torturadas que foram separadas de seus filhos pela Ditadura Civil-Militar brasileira (1964-1985).

O processo de criação de Verônica começou no final de 2018, quando o Agrupamento Andar7 desenvolveu leituras dramáticas e aberturas de processo, construindo cada etapa em troca contínua com o público. Neste período, Luciana Ramin selecionou fragmentos de texto e experimentou-os cenicamente, construindo aos poucos a peça.

 

 

 

 

Notícias de Sergipe

Email: contato@imprensa24h.com.br

Agilidade e informações com credibilidade são as marcas do Imprensa 24h

Imprensa 24 Horas

Siga nossas redes:

Publicidade:

Facebook
Instagram
Twitter

Imprensa 24h

Agilidade e informações com credibilidade são as marcas do Imprensa 24h

Deixe uma resposta