Pesquisa IFP aponta fracasso da pré-candidatura petista encabeçada por Márcio Macedo

Confira a seguir a análise feita pelo Imprensa24h dos números apurados pelo Instituto França de Pesquisas junto ao eleitorado da capital.

O Instituto França de Pesquisas – IFP – sondou o eleitorado aracajuano entre os dias 11 e 15 deste mês e pintou o mais recente quadro eleitoral da disputa sucessória na capital sergipana. Os números apurados põem um balde de água fria na pré-candidatura do PT, liderada pelo ex-deputado federal Márcio Macedo.

Além de ser o quarto nome mais citado no quesito rejeição – quando o eleitor diz em quem não votaria para prefeito de Aracaju -, Márcio Macedo patina na lanterna da pesquisa induzida, ficando atrás até mesmo do delegado Paulo Márcio, que estreia como pré-candidato a prefeito pelo inexpressivo Democracia Cristã – DC.

Outro dado apurado que acende o sinal de alerta dos petistas é o da resposta espontânea, aquela em que os eleitores dizem em quem votariam se as eleições fossem hoje sem conhecer quem são os pré-candidatos. Nesse quesito, Marcio Macedo não chega a meio ponto percentual (0,4%) das intenções de voto, e fica atrás, outra vez, de Paulo Márcio (1,2%).

Disposto a disputar o comando do principal município do Estado pela terceira vez, o também ex-deputado federal Valadares Filho – PSB -, caminha para mais uma derrota e aparece como o pré-candidato mais rejeitado pelos eleitores consultados pela pesquisa do IFP: nada menos que um quarto do eleitorado (24,9%) desaprova seu nome.

Entre os números apurados no cenário que simula um primeiro turno com Danielle Garcia, Rodrigo Valadares, Edvaldo Nogueira, Valadares Filho, Gilmar Carvalho, Márcio Macedo e Paulo Márcio, o prefeito acumula a preferência de quase um terço do eleitorado – 28,9% das intenções de voto.

Deputado em primeiro mandato, Rodrigo Valadares – PTB – encontra motivos para se agradar com os resultados da pesquisa do IFP. No embate com Edvaldo num segundo turno, o petebista é o nome que mais cresce dentre os demais pré-candidatos: salta de 0,4% das intenções de voto para 14,1%.

Esse crescimento de Rodrigo supera o da pré-candidata Danielle Garcia, a segunda colocada no cenário de primeiro turno. E nessa comparação aparece outro dado negativo para o PSB – além de liderar a rejeição, Valadares Filho é o pré-candidato com pior desempenho entre o primeiro e o segundo turno nas simulações feitas pelo IFP: apenas 9,5 pontos percentuais.

O IFP registrou a pesquisa na Justiça Eleitoral (SE-04679/2020) e os dados apresentados têm margem de erro é de 3,5 pontos percentuais para mais ou para menos e nível de confiança de 95%.

 

 

Reprodução autorizada mediante citação da fonte: Imprensa 24h

 

Notícias de Sergipe

Email: contato@imprensa24h.com.br

Agilidade e informações com credibilidade são as marcas do Imprensa 24h

Imprensa 24 Horas

Siga nossas redes:

Facebook
Instagram
Twitter

Imprensa 24h

Agilidade e informações com credibilidade são as marcas do Imprensa 24h

Deixe uma resposta