Pré-Universitário Seduc retorna aulas presenciais

Doze polos retornaram nesta terça-feira, 26. A previsão é que até o dia 17 de agosto os 44 polos estejam com aulas presenciais e remotas

O curso preparatório para vestibulares, o Pré-Universitário (Preuni), já está abrindo as portas dos polos onde a Secretaria de Estado da Educação, do Esporte e da Cultura (Seduc) coordena as turmas que se preparam, sobretudo, para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Sergipe conta com 44 polos distribuídos nas dez diretorias regionais de educação (DRE), que amparam as unidades educacionais de todo o território sergipano. Nesta semana, 12 desses polos voltaram para a sala de aula após quase um ano e meio de ensino híbrido desde a chegada da pandemia do novo coronavírus.

“A Seduc vai compartilhar todas as informações da reabertura dos espaços físicos e as orientações de segurança no portal e demais canais de comunicação para as famílias e a sociedade. Os educadores também receberão orientações por e-mail e canais oficiais da Seduc. Comprometemo-nos a manter um diálogo aberto e transparente, comunicando o passo a passo da reabertura e a situação das escolas durante o retorno”, informou o secretário da Seduc, Josué Modesto dos Passos Subrinho.

Para o coordenador geral do Preuni, Vlademir Silva, esse momento em que os alunos voltam seus olhos para a retomada das aulas presenciais representa um alento para quem está na rotina corrida de preparação para o Exame Nacional do Ensino Médio. “A possibilidade de socializar dúvidas, informações e pontos de vista, construindo coletivamente o saber, enriquece profundamente o processo de ensino-aprendizagem. Sem falar do conforto emocional que é unir-se aos demais colegas estudantes no mesmo propósito em ambiente seguro dedicado a eles”, enfatizou.

Aulas presenciais

Atualmente, o Preuni tem 3.621 alunos aptos a retornarem às aulas presenciais já que o Comitê Científico do Governo de Sergipe autorizou o retorno de todos os cursos preparatórios do Estado. O Colégio Estadual Jackson de Figueiredo, localizado no Centro de Aracaju, tem 100 estudantes matriculados e organizados em rodízio semanal para cumprirem os protocolos de segurança sanitária. Desse modo, 48 estudantes que aceitaram o retorno presencial frequentam uma semana, das 13h30 a 17h30; e o segundo grupo de mais 50 estudantes frequentam a semana seguinte no mesmo horário. A estratégia da coordenadora do polo, Ana Paula Lima Freire, se dá pela necessidade de cumprir todas as medidas de segurança sanitária em função da covid-19.

O cronograma foi dividido em três horários, com uma hora e 15 minutos para cada aula, sem intervalo para evitar aglomeração, tendo os estudantes liberados 30 minutos antes do horário convencional em que funcionava para evitar também a aglomeração no transporte público durante o deslocamento até suas casas. Segundo a coordenadora Ana Paula, enquanto uma turma está na semana presencial, a outra acompanha as aulas remotas do Preuni no canal do Youtube Educação Sergipe e na TV Estude em Casa, canal 4.2.

“Precisamos respeitar o distanciamento, fizemos um rodízio. Enquanto uma turma vem nessa semana, a outra vem na próxima, e assim seguimos com as aulas. Considerando que eles são alunos da 3ª série do Ensino Médio ou já concluíram, nós fizemos uma reunião no grupo que mantemos no WhatsApp e eles decidiram voltar respeitando os protocolos sanitários”, relatou a coordenadora Ana Paula.

O professor de Educação Física, Genaldo Freitas Lima, celebra a retomada presencial, pois passou por muita dificuldade durante as aulas remotas. As aulas que o professor leciona são dedicadas à teoria da prática corporal e estudos culturais em torno de manifestações como a dança e outras expressões. ““Eu acho que esse retorno foi primordial para nós. Mais cedo ou mais tarde tínhamos que voltar, e o quanto antes melhor. Os alunos estão comprometidos com isso, e a presença deles aqui hoje demonstra que realmente estão interessados”, ressaltou o professor Genaldo.

Os estudantes Alaine Vitória Santos e Marcos Augusto Ribeiro Leobino são colegas de cursinho e estão muito felizes em retomar a rotina escolar presencialmente. Eles compartilham da mesma dificuldade de manter uma agenda de estudos em casa durante a quarentena, pois as dinâmicas das famílias são diversas. “Eu me sinto bem com o retorno porque agora fica mais fácil estudar acompanhando as aulas presenciais”, disse Alaine. Já o jovem Marcos Augusto diz que também aprovou quando liberou as aulas do Preuni. “Agora cabe a nós respeitarmos os protocolos sanitários que estamos seguindo, utilizando álcool em gel, mantendo o distanciamento físico etc.”, concluiu.

O cronograma de aulas, decisões como suspender o intervalo e liberar a saída 30 minutos antes do horário convencional são estratégias também seguidas pelo polo do Pré-Universitário sediado no Centro de Excelência Gov. Djenal Tavares de Queiroz, no bairro São José, em Aracaju.

De acordo com a coordenadora Kátia Valéria da Silva Santos, quarenta estudantes retornaram para as aulas presenciais nesta unidade, e o rodízio não será necessário. “Aqui no polo Djenal quarenta alunos demonstraram interesse de retornar, e como o auditório é grande, fizemos todo o protocolo de distanciamento sem necessidade de rodízio. Esses estudantes estão aos poucos retornando e seguindo todos os protocolos de segurança, como aferição de temperatura, álcool em gel, por exemplo. Os alunos que optaram por não voltar presencialmente estão tendo todo o acompanhamento pelo canal do YouTube Educação Sergipe e pela TV Estude em Casa”, disse.

Rodrigo Alexandre Silva de Carvalho é estudante do polo Djenal Tavares, e diante do retorno, se sente preparado e protegido. Como parte disso,Rodrigo cumpre as medidas de segurança sanitária, pois, segundo ele, “são os protocolos sanitários que nos ajudam a manter um ambiente para os estudos em sala de aula, embora eu tenha tentado manter a rotina em casa, mas era muito difícil”, mencionou o jovem.

“Depois de passar um ano e meio em casa ficamos com o pé atrás em voltar porque é tudo tão novo, e acabamos ficando muito ansiosos. Além de termos sido acolhidos e bem acompanhados de forma online pela Secretaria da Educação, sentimos uma sensação surreal em pisar aqui de novo. A minha expectativa sempre foi muito boa, e a cada dia que passava, eu tinha o desejo de voltar para a escola”, contou a estudante Hadassa Sales de Almeida.

Assessoria de Comunicação da SEDUC – ASCOM

 

 

 

 

 

Notícias de Sergipe

Email: contato@imprensa24h.com.br

Imprensa 24 Horas

Siga nossas redes:

Facebook
Instagram
Twitter

Imprensa 24h

Notícias de Sergipe: Informações com credibilidade são as marcas do Imprensa 24h.

Deixe uma resposta