Rejeição ao senador Alessandro faz com que Danielle Garcia o “exclua” das agendas públicas

Diante dos elevados índices de rejeição acumulados pelo senador Alessandro Vieira, sobretudo junto aos eleitores bolsonaristas que o ajudaram a se eleger, a candidata à prefeita de Aracaju pelo Cidadania, Danielle Garcia, embora liderada pelo parlamentar, tem buscado “escondê-lo”, como se isso fosse possível.

Alessandro, todos sabem, é o principal fiador da candidatura de Danielle. Apesar disso, não figura em nenhuma peça da pré-campanha da correligionária, a qual tem ocultado o apoio do senador, evitando, inclusive, que ele a acompanhe em agendas públicas.

Amadora, essa estratégia de Danielle de se mostrar independente de Alessandro, posta em prática na tentativa para se descolar da rejeição do senador, é mais uma forma encontrada pela candidata para enganar o eleitorado da capital, o que já faz ao negar a aliança que mantém junto a Edvan Amorim.

Ao ocultar a imagem de Alessandro, Danielle acaba por chamar a atenção justo para o que almeja esconder: a rejeição acumulada pelo senador. Assim não fosse, não haveria motivo para manter velada a principal liderança do partido ao qual está filiada.

Reprodução autorizada mediante citação da fonte: Imprensa 24h

Foto: Rede social da Delegada Danielle Garcia

 

Notícias de Sergipe

Email: contato@imprensa24h.com.br

Agilidade e informações com credibilidade são as marcas do Imprensa 24h

Imprensa 24 Horas

Siga nossas redes:

Facebook
Instagram
Twitter
Wikipedia

Imprensa 24h

Agilidade e informações com credibilidade são as marcas do Imprensa 24h

Deixe uma resposta