Rodrigo Valadares demonstra preocupação com o número assustador de óbitos por Covid-19 em Sergipe

Na manhã desta segunda-feira, 22, a população sergipana amanheceu assustada pelo alto crescimento de óbitos por covid-19 no Estado, liderando com o maior aumento dos demais locais em todo o país.

O Deputado Estadual, Rodrigo Valadares, declarou estar preocupado com a situação e orienta a população que tenha o máximo de cuidado.

“Extremamente preocupado com o colapso dos leitos de UTI em nosso estado. Conversei pela manhã com um gestor de um Plano de Saúde, que dele: ‘Meu dia a dia é tentar arrumar UTI para beneficiário do plano e não consigo’. Rede privada e pública colapsada. Por favor, se cuidem”, pede.

O parlamentar contou ainda que os banqueiros fizeram uma carta solicitando medidas pro combate à pandemia e, aproveitando, fez a seguinte proposta. “Eu sei uma medida que eles podiam adotar: zerar a taxa de juros obscena que cobram no cartão de crédito do povo pobre do nosso país. Sobraria assim dinheiro pra nossa gente se cuidar melhor”.

 Hospital de Campanha 

Na semana anterior, Rodrigo havia feito cobranças sobre onde estava os Hospitais de Campanha e completou afirmando que esses hospitais não existem mais por ter acabado as eleições municipais. “Sabe por que não tem mais hospital de campanha? Porque este ano não tem campanha…eleitoral”.

“A gente se pergunta, agora que os casos estão se agravando e muito, agora que a gente está com as redes particulares já colapsadas e a rede pública em iminência do colapso, cadê os hospitais de campanha? Para que foram feitos os hospitais de campanha? Foram verdadeiramente para cuidar de vidas?”, questionou.

 Lockdown 

Publicidade:

Apesar da triste realidade, o Deputado acredita que o Lockdown é uma medida extremamente severa que tem uma consequência muito pior do que o funcionamento com restrições. Para ele, não existe coerência em dizer que estar salvando vidas, sem dar condição para o trabalhador sustentar a sua família.

 Auxílio Mais Inclusão 

O deputado aprovou o benefício disponibilizado às famílias carentes de apenas R$ 100 e já declarou que, na situação econômica atual, o valor de R$100 é pequeno, por tanto, apresentou um Projeto de Lei que visa aumentar esse valor para R$ 300.

“Para quem não tem nada, R$ 100 vai ajudar, mas hoje o poder de compra de R$ 100 já é muito diferente que no ano passado, quando foi votado o primeiro projeto do Mais Inclusão. Eu apresentei, no ano passado, um projeto para que o valor saísse de R$ 100 para  R$ 300 no Cartão Mais Inclusão. Então, eu peço à Mesa Diretora que coloque meu projeto para apreciação”.

Por Luísa Passos – Assessoria de Imprensa

Notícias de Sergipe

Email: contato@imprensa24h.com.br

Agilidade e informações com credibilidade são as marcas do Imprensa 24h

Imprensa 24 Horas

Siga nossas redes:

Facebook
Instagram
Twitter

 

Imprensa 24h

Notícias de Sergipe: Informações com credibilidade são as marcas do Imprensa 24h.

Deixe uma resposta