Saiba como cuidar da saúde e manter um estilo de vida ativo

Se você já fez a sua listinha de metas para cumprir em 2021, o exercício físico é um deles, não é? Seja para iniciar, aumentar a frequência ou recomeçar aquela modalidade que ficou lá no ano passado, a prática de exercícios físicos sempre faz parte dos objetivos para um novo ano. E aí, já começou a colocar os seus planos com a saúde em ação? Se não, a hora é agora!

Para a Organização Mundial da Saúde – OMS – a atividade física regular é fundamental para prevenção e controle de diversas patologias, além de reduzir o declínio cognitivo, os sintomas de depressão e ansiedade e melhorar a memória e exercitar a saúde do cérebro.

As novas diretrizes da OMS sobre atividade física e comportamento sedentário enfatizam que todas as pessoas, de todas as idades e habilidades, podem ser fisicamente ativas e que todo tipo de movimento conta.

“Desenvolver um estilo de vida ativo é responsabilidade de cada um para garantir sua saúde. O importante é cuidar para diminuir o tempo sentado ou deitado o mínimo possível, substituindo-os por comportamentos mais ativos”, declara o professor da Universidade Tiradentes, doutor em Educação Física, Estélio Dantas.

“Se uma pessoa fica mais de 50 minutos contínuos sentado, sinaliza para seu organismo que entrou em uma fase de repouso e recuperação, e seu organismo se prepara para armazenar, sob a forma de gordura, a disponibilidade de nutrientes que estiver disponível”, explica o profissional. Estélio é docente do curso de Medicina do Campus Estância da Unit e do Programa de Pós-graduação em Saúde e Ambiente.

Estatísticas da OMS mostram que um em cada quatro adultos e quatro em cada cinco adolescentes não praticam atividade física suficiente. As novas diretrizes recomendam pelo menos 150 a 300 minutos de atividade aeróbica moderada para todos os adultos, incluindo aqueles com doenças crônicas. Para uma atividade de intensidade vigorosa, recomenda-se pelo menos de 15 a 150 minutos.

“Vale ressaltar que atividade física é diferente de exercício físico. A atividade física espontânea deve ser praticada por todos, de qualquer idade, todos os dias e consiste em ter uma vida ativa com gasto calórico nas atividades cotidianas de pelo menos 300 calorias e nunca ficando mais de 50 minutos sentado ou deitado, a não ser quando estiver dormindo”, comenta doutor Estélio.

“Já o exercício físico deve ser prescrito por um profissional de Educação Física para poder indicar o tipo de atividade e quantificar a carga de trabalho que, com menos esforço, atinjam os objetivos”, acrescenta.

Para a OMS, toda atividade física é benéfica e pode ser realizada como parte do trabalho, esporte e lazer ou transporte (caminhada, roda e bicicleta), mas também por meio de dança, brincadeiras e tarefas domésticas cotidianas, como jardinagem e limpeza. Em adultos, maiores quantidades de comportamento sedentário estão associadas à mortalidade por diversas causas, incluindo doenças cardiovasculares, além da incidência dessas doenças, do câncer e diabetes tipo 2.

Assessoria de Imprensa | Unit

Com informações da Organização Mundial da Saúde.

Deixe uma resposta