São Cristóvão é destaque na campanha federal do programa Saúde na Hora

Único município sergipano a participar do programa federal Saúde na Hora, que amplia horário de atendimento em unidades de Saúde, São Cristóvão será destaque na campanha do governo federal sobre o Programa. A equipe de vídeo responsável pelo trabalho esteve na cidade esta semana captando imagens do serviço e ouvindo moradores e gestores.

O Programa, lançado em maio pelo Ministério da Saúde, amplia os recursos mensais a municípios que estenderem o horário de funcionamento das unidades de saúde para o período da noite, além de permanecerem de portas abertas durante o horário de almoço e, opcionalmente, aos fins de semana.

Em São Cristóvão, as unidades que funcionam até as 19 horas são Jairo Teixeira, Massoud Jalali e Maria Figueroa, ofertando aos moradores a opção de consultas e procedimentos básicos.

Diariamente, as USF de São Cristóvão atendem das 7h às 17h (área urbana), das 7h às 16h (zona rural). O programa Saúde na Hora possibilita que o acesso da população que trabalha, estuda ou tem algum impedimento de agenda pelo dia possa usar os serviços das unidades de saúde num horário mais flexivo.

“Foi com muita alegria que vimos o nome de São Cristóvão constar na portaria do Ministério da Saúde, como a primeira e, até agora, única cidade de Sergipe a garantir a ampliação do horário das unidades de saúde, com três importantes unidades de nossa cidade abertas até às 19h. Vale ressaltar também que em nossa cidade já regularizamos o atendimento da Atenção Primária à Saúde, garantindo acesso da população à equipe médica completa, tanto pela manhã quanto pela tarde, em todas as nossas unidades, o que se tornou uma grande conquista nossa porque antes não tínhamos nem médico em algumas regiões”, disse o prefeito, destacando a participação na campanha do governo federal.

“Recebemos com orgulho a produtora responsável pela produção do material publicitário sobre o Saúde na Hora porque é um indicador que estamos no caminho certo, trabalhando com responsabilidade e zelo pela melhoria da qualidade de vida da população”, afirmou o prefeito.

Sobre o Programa

A iniciativa visa a ampliar o acesso da população aos serviços da Atenção Primária, como consultas médicas e odontológicas, coleta de exames laboratoriais, aplicação de vacinas e pré-natal. A medida passou a valer em maio e os gestores têm quatro meses para se adequar aos requisitos exigidos pelo programa. Até o momento, o Ministério da Saúde recebeu 336 solicitações de adesão ao Saúde na Hora, em 65 municípios.

Para incentivar a ampliação no horário de funcionamento, os repasses mensais do Ministério da Saúde podem dobrar de valor, dependendo da disponibilidade de equipes de Saúde da Família e Saúde Bucal, além da carga horária de atendimento das unidades, que pode variar entre 60h e 75h semanais. Atualmente, a maior parte das 42 mil Unidades de Saúde da Família em todo o país funcionam por 40h semanais.

Sergipe

De acordo com o Ministério da Saúde, Sergipe possui 499 UFS em funcionamento com atuação de 588 Equipes de Saúde da Família, cobrindo 80% da população (1,8 milhão), além de 431 Equipes de Saúde Bucal, alcançando 840 mil pessoas. Do total de USF abertas, o Ministério da Saúde estima que 56 USF estariam aptas a participar do novo programa por já possuírem três ou mais Equipes de Saúde da Família, o que é pré-requisito para adesão à ampliação do horário de atendimento à população.

Com informações do Ministério da Saúde.

 

 

Email: contato@imprensa24h.com.br

Agilidade e informações com credibilidade são as marcas do Imprensa 24h

Imprensa 24h

Agilidade e informações com credibilidade são as marcas do Imprensa 24h

Deixe uma resposta