Secretário Josué Modesto visita escolas da rede estadual na capital e na Grande Aracaju

O secretário de Estado da Educação, do Esporte e da Cultura, professor Josué Modesto dos Passos Subrinho, realizou na manhã desta segunda-feira mais uma série de visitas não agendadas a escolas da rede estadual de ensino. Ao todo foram três unidades de ensino, uma das quais em Aracaju e duas em Nossa Senhora do Socorro. Desde o início da sua gestão na pasta da Educação, Josué Modesto tem percorrido o estado para ver pessoalmente as condições das unidades escolares. “Após um longo período sem fazer visitas presenciais, devido à pandemia, estamos aos poucos retomando esta ação. Para mim é sempre um prazer conhecer de perto o funcionamento das unidades escolares, dialogar com os gestores, funcionários e alunos, saber o que realmente eles precisam, quais seus anseios, e conhecer também as ações desenvolvidas e as condições da infraestrutura”, declarou o secretário.

A primeira foi a Escola Estadual Professor Manoel Franco Freire, na capital, onde ele foi recebido pela diretora Adriana Azevedo de Souza. A escola tem 284 alunos matriculados no ensino fundamental menor, e retornou às aulas presenciais no dia 8 de setembro. O professor Josué Modesto teve a oportunidade de conhecer a estrutura da unidade de ensino, percorrendo todos os espaços e dialogando com funcionários. Passando de sala em sala, ele cumprimentou os alunos e professores.

A escola passou por uma reforma na quadra de esportes, que já está pronta e será inaugurada em breve, e está recebendo pequenos reparos. Uma das intervenções que mais chamam a atenção é o “Cantinho do Cuidado”, instalado no pátio da escola. Trata-se de um local onde os estudantes podem fazer a higiene das mãos, com uma pia, sabão, papel toalha e álcool em gel. Essa medida de higiene e biosseguraça visa a proteger alunos e servidores da contaminação pela covid-19. “A gestão do professor Josué Modesto é bastante democrática. Graças ao processo seletivo de diretores, hoje estou aqui e posso mostrar o meu trabalho a ele. Quando o secretário vem à escola, ele tem mais empatia, pois está conhecendo de perto os nossos problemas, anseios e perspectivas”, disse.

A segunda unidade de ensino visitada foi o Colégio Estadual Professor Leão Magno Brasil, em Nossa Senhora do Socorro, onde o secretário conheceu as instalações, como salas de aula, biblioteca, sala de recursos, laboratório de informática, quadra de esportes, vestiário, entre outras dependências. A gestora Ana Silvia Bomfim Melo informou que a escola atende, atualmente, a 956 alunos, distribuídos entre o ensino fundamental menor até o ensino médio, além de turmas da Educação de Jovens e Adultos e Correção de Fluxo. O secretário teceu elogios à escola e, principalmente, à quadra de esportes. O laboratório de informática possui, atualmente, 22 computadores, todos em pleno funcionamento e sendo utilizados pelos alunos durante as aulas online. As aulas presenciais estão previstas para retornarem no dia 27 de setembro.

“Como professora, penso que é importante que a escola seja um lugar agradável e onde os alunos se sintam acolhidos. Hoje estou feliz porque nós pudemos mostrar ao secretário a alegria em ver a escola se transformando e a educação acontecendo”, declarou.

As visitas foram finalizadas na Escola Estadual Maria Josefa Santos Souza, também em Nossa Senhora do Socorro, unidade de ensino que possui uma matrícula de cerca de 760 alunos do ensino fundamental e Educação de Jovens e Adultos (EJAEF). As aulas presenciais foram retomadas na semana passada, e a estrutura da unidade de ensino está pronta para acolher os estudantes. “Eu fiquei surpreso e feliz com a visita do secretário. Foi a oportunidade que tivemos de mostrar nossas ações, projetos, recursos adquiridos e a gestão do espaço escolar”, disse o diretor Leandro Calazans.

A aluna Nathyele Barros Cordeiros, de 10 anos, estuda no 6º ano do ensino fundamental. Ela é novata na escola e disse estar gostando muito do retorno às aulas presenciais. “Achei ótimo, porque em casa não tem como os pais nos ensinarem como os professores. Estou muito feliz”. Já a professora Lourdes Cristina afirmou que “a visita do secretário é sempre necessária, e é bom que seja assim, sem agendamento. É uma oportunidade de ele verificar as necessidades da escola e as condições do retorno das aulas presenciais”.

Assessoria de Comunicação da SEDUC – ASCOM

Notícias de Sergipe

Email: contato@imprensa24h.com.br

Agilidade e informações com credibilidade são as marcas do Imprensa 24h

Imprensa 24 Horas

Siga nossas redes:

Facebook
Instagram
Twitter

Imprensa 24h

Notícias de Sergipe: Informações com credibilidade são as marcas do Imprensa 24h.

Deixe uma resposta