Sergipe tem melhor índice em geração de empregos em 29 anos

O estado foi o segundo que mais cresceu proporcionalmente no saldo de empregos, segundo dados dos Caged

Segundo os dados divulgados pelo Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) do Ministério da Economia, Sergipe encerrou setembro com a abertura de 6.097 empregos com carteira assinada, o melhor saldo para o mês desde 1992.

Com 2,2% a mais de postos de trabalho formal criados, Sergipe só ficou atrás de Alagoas entre as unidades do país que mais cresceram neste quesito. Desta maneira, em relação ao estoque do mês anterior, os destaques são para Alagoas, com a abertura de 16.885 postos, aumento de 4,73%; Sergipe que criou 6.097 novas vagas (2,2%); e Pernambuco, com saldo positivo de 25.732 postos (2,01%).

Sergipe comemora os dados e atribui os bons resultados aos investimentos do governo do Estado para aquecimento da economia sergipana. O estado enfrentou a pandemia, salvando vidas, e chega neste momento sendo o 8º estado que mais investe na economia. Gerando ainda mais emprego e renda para os sergipanos.

Ainda segundo o relatório, analisado e divulgado pelo Observatório de Sergipe/Superplan, todos os setores observados tiveram saldo positivo.  Comércio apresentou crescimento de (0,73%); Construção ( 3,31 %); Serviços (0,49%); Agropecuária (16,43%); Industria (6,07%).

Com investimento do Governo do Estado, diversas indústrias retomaram atividades e novas trouxeram suas instalações para o estado, ampliando geração de empregos.

A Cerâmica Capri LTDA deu início às vendas de sua produção, no final do mês de outubro, tornando-se oficialmente a mais nova empresa do ramo ceramista no mercado sergipano. Com duas linhas de produção, a empresa gera atualmente 90 empregos diretos e 250 indiretos, revitalizando uma planta paralisada desde maio de 2018. O projeto conta com incentivos fiscais do Governo de Sergipe, por meio do Programa Sergipano de Desenvolvimento Industrial (PSDI).

Com o apoio do Governo de Sergipe, mais uma indústria amplia suas atividades e passa a gerar 400 novos empregos e renda para o estado. A fábrica Altenburg, especializada na produção de artigos de cama e banho, inaugurou sua unidade própria no estado. Presente em Sergipe há mais 10 anos, a empresa catarinense ocupava um imóvel alugado no Distrito Industrial de Nossa Senhora do Socorro. Com subsídios do Governo, a indústria adquiriu um terreno no Distrito, erguendo uma planta com 18 mil m² de área construída e investimento de R$ 30 milhões.

Com incentivos do Estado, a Usina Taquari gera mais de 2.700 empregos diretos. Indiretamente, investimento possibilita geração de cerca de 4 mil empregos. Sergipe sai ganhando. É um grupo genuinamente sergipano que acredita, investe e, portanto, amplia essa planta aqui com altos investimentos pensando, exatamente, no progresso de Sergipe, do Nordeste e do Brasil.

 

Notícias de Sergipe

Email: contato@imprensa24h.com.br

Imprensa 24 Horas

Siga nossas redes:

Facebook
Instagram
Twitter

 

Imprensa 24h

Notícias de Sergipe: Informações com credibilidade são as marcas do Imprensa 24h.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *